Passageiros do Sistema Ferroviário de Salvador denunciam criadouro de dengue nas Estações

- in Subúrbio
Estação de Trem de Periperi - Foto: FrancoEstação de Trem de Periperi - Foto: Franco

Não é de hoje que os Suburbanos que necessitam do Sistema de Transporte Ferroviário, para chegar até o seu lugar desejado, vem denunciando o descaso da administração do sistema. Por todo o percurso é possível ver o matagal que toma conta até mesmo da linha do trem, vagões sujos e com um terrível mau cheiro, atrasos e muito mais.

Nesta sexta-feira (9) os Passageiros entraram em contato com a redação do Subúrbio News, e denunciaram o acumulo de água que se concentra na parte da lage da Estação de Trem de Periperi.

É do conhecimento de todos que para o mosquito da dengue formar seu criadouro é necessário apenas encontrar um lugar onde a água possa ficar parada por poucos dias, para então,  abrigar larvas do mosquito Aedes aegipyt.
Pasmem !!! A Lage desta estão e de outras não tem saída para água da chuva. logo a água fica acumulada por vários dias até que com a ajuda do sol diminua.
“ Essa situação é um absurdo. Chamei atenção aqui do funcionário e ele me respondeu que não faz parte da área dele” desabafou Antonio.
” Será que eles não sabem que nós que utilizamos o transporte diariamente podemos a qualquer momento ser picados por um mosquito que tenha picado uma pessoa doente  e consequentemente passar o vírus para qualquer um de nós? ” questionou Claudia.
 ” Vejam que não existe nenhum sistema de escoamento de água. Com toda certeza, essa lage já é um criadouro” afirmou indignada  Maria.
Chamamos atenção da Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado (Sedur) para que providências sejam tomadas junto a Companhia de  Transportes do Estado da Bahia (CTB), para resolução desse  e de outros problemas existentes em todo o percurso de 13 quilômetros, do bairro de Paripe  ao bairro da Calçada.